Com o surgimento do comercio eletrônico, surgiram siglas bem específicas, normalmente em inglês. Se você possui ou pretende possuir uma loja virtual, compreender essas palavras e expressões é de suma importância para guiar seu negócio corretamente.

Conheça a seguir 10 termos técnicos ligados ao e-commerce e os adicione ao seu vocabulário de empreendedor online!

Back Office
Identifica todos os processos administrativos que ocorrem na sua loja virtual e precisam ser gerenciados. Em geral, as plataformas para e-commerce já possuem este módulo junto à loja virtual, que inclui a logística do negócio, o controle de pedidos e entregas, e gerenciamento do estoque e o cadastro de clientes.

Chargeback
Este termo se refere ao cancelamento de uma compra efetuada com cartão de crédito ou débito em uma loja virtual. Isso normalmente ocorre quando o titular do cartão não reconhece a compra seja este ato por ter identificado alguma fraude. Assim, o comerciante vende o produto, mas depois descobre que a compra foi considerada inválida não recebendo o valor correspondente.

ERP – Enterprise Resource Planning
Trata-se de um recurso para gestão empresarial. O ERP engloba um sistema que gerencia todo o planejamento e controle da produção, gestão de armazém, recursos humanos, sistema de projetos, gestão da qualidade, armazenagem de negócios e toda solução contábil e fiscal necessária para que a parte contábil da empresa seja gerenciada, gestão financeira, planejamento orçamentário, vendas e crm, gestão de pessoas e muitos outros módulos podem ser descritos conforme sua necessidade e complexidade da empresa. Hoje temos centenas de soluções de ERP no mercado que atende a diversas necessidades.

Gateway de Pagamento
Os gateways são empresas responsáveis por disponibilizar um conjunto de APIs para comunicação com os Adquirentes, podendo armazenar os dados do cliente e o número do cartão de crédito que são passados pela loja virtual. A forma de comunicação da loja virtual com o gateway ocorre através de um webservice que é disponibilizado como APIs.

Google Adwords
É uma ferramenta disponibilizada pelo Google com objetivo de gerar tráfego para seu e-commerce através de “links patrocinados” e assim atrair mais visitantes para sua loja virtual. Você escolhe algumas palavras-chave relevantes para identificação do seu negócio e, quando alguém pesquisa assuntos semelhantes no mesmo, sua loja é destacada nos resultados da busca, como um anúncio. este anúncio é chamado de “link patrocinado”.

HTTPS – HyperText Transfer Protocol Secure
Trata-se de uma implementação do HTTP usual dos sites. O HTTPS contém uma proteção SSL (Secure Sockets Layer), de forma que os dados da página são transmitidos com segurança para o servidor, evitando o acesso de terceiros às informações.
Em 2014 foi encontrado um bug no OpenSSL, uma vulnerabilidade em seu protocolo foi chamado de Heartbleed. A biblioteca OpenSSL é uma implementação amplamente utilizado do Transport Layer Security (TLS).
A versão fixa do OpenSSL foi lançado em 07 de abril de 2014 , no mesmo dia Heartbleed foi divulgada publicamente . Naquela época, cerca de 17 por cento (cerca de meio milhão) de servidores Web seguros da Internet certificados por autoridades confiáveis ​​, acreditava-se ser vulnerável ao ataque , permitindo o roubo de chaves privadas e dos usuários dos servidores de cookies de sessão e senhas.

PCI-DSS – Payment Card Industry-Data Security Standard
Este é um padrão de segurança de dados criado em 2006 por um conselho formado por algumas bandeiras de cartão de crédito, entre elas Visa, Mastercard e American Express e é utilizado especificamente para transações com cartões de crédito. O PCI-DSS garante através de uma lista de requerimentos que sua empresa possui os requisitos mínimos para manter a segurança destes processos. Existem vários sites relatando sobre gateways validados de acordo com os padrões do PCI-DSS.

SEM – Search Engine Marketing / SEO – Search Engine Optimization
SEM são as estratégias criadas para otimizar o seu site aos olhos dos motores de busca e umas das suas técnicas é chamada de SEO que é considerada umas dos métodos mais utilizados por quem trabalha com e-commerce, pois um website com as técnicas aplicadas corretamente tem maior destaque pelos motores de busca e ficam no topo da página quando alguem pesquisar o nome da sua loja. Para isso é feito um estudo de tags e das palavras chaves com maior relevância fazendo com que o Google aumente o PageRank do seu website (relevância da página).

SET – Security Electronic Transaction
Assim como o PCI-DSS, é um protocolo que garante especificamente a segurança das transações com cartão de crédito na web. Com o SET, uma carteira eletronica é dada a cada usuário (certificado digital) e a transação é verificada e realizada usando uma combinação de certificados digitais e assinaturas digitais entre o comprador, o comerciante, e banco do comprador de uma forma que garanta a privacidade e confidencialidade. O SET veio resolver alguns problemas na área do e-commerce garantindo vários mecanismos de segurança. Esse protocolo garante a criptografia dos dados trocados entre as entidades envolvidas (de modo a que o comprador compre apenas o que se propõe comprar), assegurando a privacidade em relação aos seus dados pessoais e que os dados utilizados na compra não sejam utilizados noutros pagamentos em seu nome.

SSL – Secure Sockets Layer
Trata-se de um protocolo que garante a transmissão de dados pela internet por meio de criptografia. Ou seja, as informações importantes sobre o cliente, como CPF, número de cartão de crédito e senhas, são transmitidas do browser para um servidor de forma totalmente segura e sigilosa. O SSL (Secure Sockets Layer) é a única e eficaz maneira de obter segurança de dados em comércio eletrônico. Quando um SSL – Certificado Digital está instalado no website, um icone de um cadeado aparece no navegador e o endereço começa com “https://” ao invés de “http://” informando que os dados serão criptografados. Sites como o Comodo, VeriSign, Geotrust, RapidSll entre outros emitem o seu certificado com base nos requerimentos. É muito importante que você possua uma Certificação SSL para garantir segurança ao consumidor e evitar fraudes.