Os smartphones com Android 5.0 ou superior receberão a partir desta quinta-feira (9) o recurso Nearby, que sugere aplicativos e ações com base na sua localização. Com a função ativada, o aparelho recebe sinais emitidos por beacons e outras tecnologias sem fio, automatizando suas tarefas em diversas ocasiões.

É um recurso semelhante ao Aplicativos Sugeridos, que surgiu no iOS 8 e mostra um ícone no canto inferior esquerdo da tela em determinados lugares. Se você estiver no aeroporto, por exemplo, o iPhone pode exibir automaticamente um atalho para o aplicativo da sua companhia aérea; ao arrastá-lo para cima, ele é executado e você pode consultar informações do seu voo ou adiantar o check-in.

No Android, o Nearby te alertará sobre novos aplicativos por meio de notificações de baixa prioridade. Ele funciona inclusive com outros gadgets: comprou um Chromecast e acaba de ligá-lo na TV? Seu Android receberá uma notificação perguntando se você deseja configurá-lo, sem precisar abrir manualmente a Play Store e baixar o aplicativo do Google Cast. O mesmo acontecerá com smartwatches com Android Wear.

Cast-Setup-1O Google já revelou alguns dos parceiros no exterior: a CVS Pharmacy pode sugerir que você imprima as fotos armazenadas no smartphone assim que você chegar à farmácia; o The Broad vai oferecer tour em áudio do museu; e alguns aeroportos nos Estados Unidos permitirão que os norte-americanos pulem as filas de imigração e alfândega (podia ter isso por aqui).

A empresa não informou quais empresas brasileiras utilizarão o recurso, mas a API do Nearby está disponível desde julho de 2015 — é uma questão de tempo até os desenvolvedores adotarem a novidade.

Para que o Nearby funcione, é necessário manter o Bluetooth e a localização ativados no smartphone. Assim que você receber o primeiro beacon, o aparelho mostrará uma notificação perguntando se deseja habilitar o recurso. A novidade está sendo distribuída a partir desta quinta-feira (9), no Google Play Services 9.2. Ela estará disponível inicialmente nos aparelhos com Android 5.0 ou superior, mas o Google promete levá-lo ao Android 4.4 em breve.

via